sábado, 17 de agosto de 2013

A Promessa do Salvador

                                   A  PROMESSA  DO  SALVADOR 

                    No princípio de tudo, o homem estava em comunhão com seu criador no Jardim do Éden, tinha de tudo e vivia do bem e do melhor (Gênesis 2:19,20), até que um dia ele resolveu desobedecer-lhe. Como castigo e consequência disso, o Senhor expulsou o casal Adão e Eva do Paraíso e mudou completamente seu estilo de vida.
             Deus colocou o homem para cuidar do Jardim do Éden, inclusive da árvore do conhecimento do bem e do mal, a qual foi lhes dito que não comesse (Gên. 2:15-17). Na verdade, Adão não conheceu o mal porque este estava contido no fruto, mas por encontrar na desobediência o contraste com a integridade e com a santidade de Deus. O pecado do homem foi escolher colocar-se no centro de tudo. - Gên 2:17.
                                           Então, Deus fez com que Adão e Eva pecassem ao criar a árvore do conhecimento do bem e do mal?
                      A resposta é não. Deus é perfeito e não criaria algo que corrompesse a Sua criação. O pecado de Adão estava certamente na sua desobediência; e não naquele fruto em si, e não no fruto simbólico. - Salmos 89:14.
                     Quando o homem faz mau uso do livre arbítrio que Deus lhe deu, ele acaba se afastando do propósito de Deus e dá entrada para a ação do diabo em sua vida.

                Qual é a consequência desse pecado?
    Como sabemos, a principal consequência do pecado deles, a humanidade foi separada da presença de Deus (Romanos 3:23), o pecado alastrou-se na humanidade (Romanos 5:12), a humanidade inclinou-se para o mal (Romanos 7:18), depois dessa queda o homem passa a andar num caminho contrário do que fora planejado por Deus. - I Tessalon. 4:17.


                                           Na Bíblia Sagrada, no Livro de Gênesis, no capítulo 3, nos mostra a origem da dor do parto, da dominação da mulher pelo homem, da falta de produtividade na terra e da morte para o pecado da humanidade. - Gênesis 3:14-19.
                Mas, Deus, é um Deus de misericórdia e de imenso amor. Os Profetas de Israel foram os anunciadores, eram como porta-vozes da parte de Deus, em vários momentos anteciparam o futuro, principalmente, acerca da vinda de Cristo e do Seu Ministério de Restauração. - Isaías 53:2-10.
               O propósito de Deus era preparar a humanidade para a vinda do Seu Salvador (Mateus 3:3), mesmo Jesus tendo se manifestado em algum tempo determinado por Deus, muitos não o receberam. - Gálatas 4:4.
          
             Por meio das profecias, Deus preparou a humanidade para a revelação do Cordeiro de Deus, por causa da sua incredulidade muitos judeus não reconheceram Jesus como o Messias.- Mat.13:56-58            Então, Jesus deixou de salvar a humanidade porque alguns não creram Nele?
                 A resposta é Não.
           Jesus morreu para salvar todo aquele que Nele crer (João 3:16), Deus é tão maravilhoso, que não desamparou seus filhos em nenhum momento.
          Ele proveu um plano perfeito para livrar-nos da escravidão e do pecado (Gênesis 3:15), existem muitas passagens no Antigo ou Velho Testamento escritas por vários autores que tratam sobre a vinda do Salvador Jesus Cristo.


                                    Davi prenunciou diversas situações que ocorreriam com Jesus: O maltrato (Salmo 22:16), com o cumprimento em Lucas 24:40; a zombaria (Salmo 22:18), com o cumprimento em Lucas 19:23,24; a traição (Salmo41:9), com o cumprimento em Mateus 26:23.
                                Isaías foi um dos que mais profetizou sobre o Messias: A Descendência de Davi, em Isaías 9:7; O Nascimento, em Isaías 9:6; e a Preparação do Caminho, em Isaías 40:3.
                           Alguns Profetas como Oséias, Zacarias e Miquéias, também profetizaram acerca de Jesus Cristo: Em Oséias 11:1, sobre a volta do Egito; em Zacarias 9:9, sobre a entrada humilde; e em Miquéias 5:1, sobre a agressão. - Mateus 2:13-15; Mateus 21:4,5; Mateus 27:30.

               Como vimos nesse artigo, a Promessa do Salvador é uma prova definitiva do amor de Deus, então Ele nunca esteve indiferente à nossa condição.
               Será que temos andado indiferentes ao que o Senhor tem falado conosco?


             Nunca saberemos o que acontecerá no futuro se o Senhor não nos revelar. Deus prepara nosso Coração para receber o cumprimento das uas Promessas e nos ensina a confiar enquanto não se tornam reais. Foi assim que, por meio de Israel, toda a humanidade conheceu Jesus Cristo, que havia sido anunciado por muitos Profetas de Deus.

                                                                  Márcio  Roberto  da  Silva

                                                        ,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,-,
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...